CleopatraMoon

Um Mundo à parte onde me refugio e fico ......distante mas muito próxima.

A minha fotografia
Nome:
Localização: LISBOA, Portugal

Sou alguém que escreve por gostar de escrever. Quem escreve não pode censurar o que cria e não pode pensar que alguém o fará. Mesmo que o pense não pode deixar que esse limite o condicione. Senão: Nada feito. Como dizia Alves Redol “ A diferença entre um escritor e um aprendiz, ou um medíocre, é que naquele nunca a paixão se faz retórica.” Sou alguém que gosta de descobrir e gosta de se descobrir. Apontamento: Gosto que pensem que sou parva. Na verdade não o sou. Faço de conta, até ao dia em que permito que percebam o quanto sou inteligente.

online

quarta-feira, fevereiro 06, 2008

Tragédia Ecológica



Chove muito e por momentos choro.
As águas a confundirem-se. O amor a confundir-se nelas.
A beleza banhada na manhã.
E pensar que já não há amor que chegue para todos.
Que o amor pode esgotar-se e todos teremos sede.
E que as pessoas já não cuidam dos seus amores,
olham-nos com um descanso que o amor não admite.

E os trocam como se fossem coisa.
E que assim o amor pode desaparecer da face da Terra.
De fome, de sede,amor e pessoas.
Banidos.

Uma tragédia ecológica.
-
Silvia Chueire

Etiquetas:

2 Comentários:

Blogger LUA DE LOBOS disse...

e o DES-AMOR se instale definitivamente... ai como entendo a tua angústia...

06 fevereiro, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

Até o amor próprio está a morrer.- Olha à tua volta.

06 fevereiro, 2008  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial

__________