CleopatraMoon

Um Mundo à parte onde me refugio e fico ......distante mas muito próxima.

A minha fotografia
Nome:
Localização: LISBOA, Portugal

Sou alguém que escreve por gostar de escrever. Quem escreve não pode censurar o que cria e não pode pensar que alguém o fará. Mesmo que o pense não pode deixar que esse limite o condicione. Senão: Nada feito. Como dizia Alves Redol “ A diferença entre um escritor e um aprendiz, ou um medíocre, é que naquele nunca a paixão se faz retórica.” Sou alguém que gosta de descobrir e gosta de se descobrir. Apontamento: Gosto que pensem que sou parva. Na verdade não o sou. Faço de conta, até ao dia em que permito que percebam o quanto sou inteligente.

online

quinta-feira, junho 07, 2007

Simples

O Mote que me deram foi- "Mentira"
Eu , chamei-lhe "Simples"
Podia ser "Naif"
Mas, podia chamar-lhe "Sonho"
-
QUEREM DAR-LHE EM VEZ DE MOTE, OUTRO TITULO?
-



Um dia
Abriste os braços e eu sorri
Não queria encontrar-me com o teu peito
A tua Voz sussurrou loucuras
Eu sorri
Não queria acordar do meu sono

Estendeste as tuas mãos e
eu sorri
Não queria encontrar os teus gestos.
.
Um dia olhaste-me os olhos
e eu fugi
Tive medo do meu Olhar.
.
Depois, abriste-me a alma e
eu pensei
Que a minha alma tinha um espelho
A tua Voz falou-de de ti
E eu senti que te via inteiro.
.
Um dia
Abriste-me os braços
e eu fiquei
A tua Voz sussurrou loucuras e eu verdades
As tuas mãos procuraram as minhas
E eu dei
.
Um dia, tu olhaste o céu
E eu olhei-te os olhos
E tu partiste
E eu fiquei
...,...,...
e acordei.
-
*ACCB*

Mote dado: - "Mentira"


*

Alimenta tus sueños, me decían...

Y yo lo creí, inocentemente.

Olvidé que los sueños

viven en un mundo diferente

intangible y silente..

Y alimente mis sueños,

poblándolos de imágenes deseadas por mi mente

con amaneceres eternos y seres sin sombra...

que comparten en graciael placer de la gloria..

Un día , enancada en una brisa fría,

la realidad me dijo simplemente:

Despierta, aqui estoy yo...soy diferente ....
-



Etiquetas:

8 Comentários:

Blogger M@nza disse...

Bom dia Cleo
Excelente poema
"...Abriste os braços e eu sorri
Não queria encontrar-me com o teu peito
A tua Voz sussurrou loucuras
Eu sorri
Não queria acordar do meu sono...".
bjos

07 junho, 2007  
Blogger António Lisboa Gonçalves disse...

Olá Cleo, bom feriado!

Agradeço a preocupação, mas felizmente nada de acidentes, apenas muitos afazeres mas tenho vindo sempre cá, para ler mais um excelente poema.

bjs

07 junho, 2007  
Blogger Joeiro disse...

Porquê «naif»? Não pode ser «ingénuo»?
A língua portuguesa é, ainda, o nosso maior património colectivo.
... Só para lembrar...

07 junho, 2007  
Blogger Cleopatra disse...

Ingénuo! Pois seja.
mas eu pedi um titulo, não (só) uma critica! ;(

07 junho, 2007  
Blogger M@nza disse...

Despertares!

07 junho, 2007  
Blogger £oµ¢o Ðe £Î§ßoa disse...

DESENCONTROS

(leio e sinto desencontros)

Éve a naice dei!
Até outro desinstante.

07 junho, 2007  
Blogger Apache disse...

«Eu , chamei-lhe "Simples"
Podia ser "Naif"
Mas, podia chamar-lhe "Sonho"»

Está muito bem escrito, podia por isso chamer-se "uma estória de sonho"...
Mas eu acho que lhe chamava antes, "levedelo"... Lol

08 junho, 2007  
Blogger Cleopatra disse...

Levedelo...o contrário de pesadelo.
LOL!

11 junho, 2007  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial

__________