CleopatraMoon

Um Mundo à parte onde me refugio e fico ......distante mas muito próxima.

A minha fotografia
Nome:
Localização: LISBOA, Portugal

Sou alguém que escreve por gostar de escrever. Quem escreve não pode censurar o que cria e não pode pensar que alguém o fará. Mesmo que o pense não pode deixar que esse limite o condicione. Senão: Nada feito. Como dizia Alves Redol “ A diferença entre um escritor e um aprendiz, ou um medíocre, é que naquele nunca a paixão se faz retórica.” Sou alguém que gosta de descobrir e gosta de se descobrir. Apontamento: Gosto que pensem que sou parva. Na verdade não o sou. Faço de conta, até ao dia em que permito que percebam o quanto sou inteligente.

online

sábado, março 15, 2008

PREVENÇÃO OU REPRESSÃO?

Não tenho idade para piercings embora use desde os 2 anos de idade um em cada orelha.

Mas há muito tempo que penso com a nostalgia própria de quem já viveu uns anitos, que seria "giro", ter um piercing no umbigo. Não sei se sabem mas era sinal da realeza no antigo Egipto e, eu como Cleopatra que me prezo de ser, deveria usar um . Discreto sim, mas que estivesse lá naquelas alturas em que nos orgulhamos do invólucro que usamos apesar de já não termos 18 anos e pensarmos: - "Tomara muita miúda!"
(Em silêncio no recato do nosso espelho claro! Xiuuu!)


Parece que não haverá problema com a idade que já vou tendo, o problema é para os mais novos.
Assim como não podem votar os menores de 18 anos também não podem usar piercing.
Vai ser proibido! Ouviram? PROIBIDO!

O Executivo que também é o legislativo não quer.
De acordo com a proposta socialista, quem faça uma tatuagem ou coloque um piercing terá que passar a assinar uma declaração de consentimento (confidencial, que terá de ser arquivada por um período de cinco anos).

Renato Sampaio, deputado socialistas que redigiu o documento - que vinha preparando desde há seis meses, com "apoio técnico especializado" - justifica a iniciativa com a necessidade de "acautelar a saúde pública" quer dos utilizadores, quer de quem lida com estes procedimentos.
-
O que eu acho ridículo é que se invoque a saúde pública neste caso e se esqueça a saúde pública noutros casos bem mais prementes.
Todos sabemos e se não sabemos devíamos ser esclarecidos, sobre o perigo que se corre ao colocar um piercing (não é menor que o perigo que se corre ao extrair um dente do ciso ), mas porquê logo os piercings?
E o que acho ainda mais ridículo é que se proiba algo que deveria ser decidido entre familias com o próprio.
Qualquer dia entram na minha casa e dizem:

- É proibido andar descalça cá em casa! É proibido provar o doce do marido com a sua colher! É proibido beijar o seu filho sem lavar os dentes! É proibido emprestar a sua T shirt à filha . É proibido espirrar ao Sábado!...É proibido usar saliva....
E se fossem....................................ver se chove?
-
ACCB

32 Comentários:

Blogger Aran disse...

Lol... é isso mesmo... "E se fossem....................................ver se chove?"

Obrigada pela marca deixada no meu cantinho... e já algum tempo ando por aqui a ler-te, mas nunca me deu para comentar... apesar de gostar de te ler...

Jinhos e um bom fim de semana para ti...

15 março, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

Aran, lê e comenta, mesmo e, principalmente, qdo não gostares.

15 março, 2008  
Blogger António Lisboa Gonçalves disse...

Ridículo! Até parece que não existe nada mais premente para se preocuparem e Cleo... avance com esse piercing!!!

bjs

15 março, 2008  
Blogger Fernando disse...

Fantástico, que mais faltará proibir, a democracia tem destas coisas, eheheh.
Será que também vai passar a ser proibido rir? e proibido amar?
Que ridículo!
Abundans cautella non nocet
;)
Beijo
Fernando

15 março, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

Antonio, eles começam pela lingua, está a ver a relação?
è pois... convèm.

E qto ao piercing... vamos ver. ASgora ainda fiquei com mais vontade de o fazer!! eh eh eh

15 março, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

Não sei não Fernando. Com o tempo vai ser proibido andar de mão dada na rua.Talvez paguemos imposto por falar ou tenhamos que olhar para o chão qdo caminhamos.

15 março, 2008  
Blogger DarkMorgana disse...

Será que eles acham que não têm coisas realmente importantes com que se preocupar?

15 março, 2008  
Blogger M@nza disse...

É PROIBIDO PROIBIR!

16 março, 2008  
Blogger Francisco Castelo Branco disse...

Acho que é uma medida sensata.

Proteger as pessoas contra possivel doenças que advenha do uso destas "coisas".
é que há sitios onde pode ser perigoso....

Acho que visa proteger a saude das pessoas....

16 março, 2008  
Blogger Pecadormeconfesso disse...

E se eles fossem....ver se chove. ;)Piercing no umbigo? A imagem diz da delicadeza da ideia. Bonita a imagem e a ideia.
O PS é que parece que tem de ir ver se chove.E não se esqueça das tatuagens Cleo. Tatuagens também não.
Naõ é a grande Imperatriz que gosta de falar de tatuagens? Eu sei que é de outras tatuagens. Mas,será que essas também estão interditas?

16 março, 2008  
Blogger Apache disse...

Sou contra esta proibição, como sou, salvo raras excepções, contra as outras proibições. Por regra (para serem possíveis as tais excepções) devia ser proibido proibir.
Não gosto de piercings, tatuagens, excesso de maquilhagem ou adereços demasiado exagerados. Nenhum adereço ou tipo de tinta é mais bonito que uma mulher bonita. Estes adereços servem essencialmente para chamar a atenção para o que está por debaixo deles, ora como não sou (assim tão) distraído, acho-os perfeitamente dispensáveis. Mas daí até à proibição vai um abismo.
Estas medidas avulsas servem por um lado para mostrar algum conservadorismo, depois do aborto e antes da legalização das drogas leves, convém piscar o olho ao sector mais conservador da sociedade. Por outro lado, servem para gerar polémica e afastar o debate das questões verdadeiramente essenciais.

16 março, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

Francisco! É sensata?!!!
A medida é senasata? Adoptada pelo próprio será sem dúvida!
Olha Francisco, estás proibido de surfar.
É perigoso especialmente onde há tubarões. Cuidado lá para onde vais agora de férias!!
Estás Proibido ouviste???
****surfados ;))))

16 março, 2008  
Blogger Francisco Castelo Branco disse...

Cara imperatriz do Egipto...

Não concordo em absoluto com a proibição....
Mas acho que é dever de um GOVERNO de Portugal estar atento á saude publica...

Acho que um piercing na orelha, nariz ou barriga nao tem qualquer problema...
Agora na lingua e noutros sitios, acho que existe um "perigo" para a pessoa.

Vai ser impossivel ao governo, controlar isto.
Esta medida vai no sentido de controlar mais as casas de piercings e tatuagens...
Porque muitas delas são ilegais e têm produtos que n são totalmente saudaveis
Acredito que sim!

Agora nao haja duvida que uma mulher com um piercing no nariz ou nas orelhas fica mais atraente.

Sem duvida!

nao estou contra esta medida.
Acho que visa proteger os clientes futuros destes produtos.
Que quando fizerem um vão ter maiores garantias de segurança e higiene.

Quanto ao Surf.
O Governo não manda no mar.
Mas se houver tubaroes nos sitios de surf, de certeza que vão implementar medidadas de SEGURANÇA para que os surfistas não exeçam ali a sua actividade lol


*************

16 março, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

Não contes com essa Francisco. Ninguém avisa se há tubarões, os surfistas estão por conta porópria AH e sabes um segredo??
Para tua segurança não faças do mar WC liquido.
OK??
Os tubarões costumam atacar quem usa e abusa desse meio.
São assim como que uma espécie de ASAE!! LOL

os ***** eram surfados???
LOL

16 março, 2008  
Blogger Francisco Castelo Branco disse...

os ************* são sempre surfados.... LOOOL

Até eu conseguir outra...


talvez

*******cubanos

16 março, 2008  
Blogger Francisco Castelo Branco disse...

Não achas que o Estado nao deveria preocupar-se com a higiene das pessoas??

16 março, 2008  
Blogger Francisco Castelo Branco disse...

Prevenção ou repressão??

Á tua pergunta responde prevenção...

16 março, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

Francisco, o Estado deve preocupar-se com essas casinhas idiotas onde se fazem tatuagens e piercings Essas sim deve fiscalizar

Quanto aos menores estão cá os paizinhos para os proibir e contrariar. São os pais que exercem o poder paternal e não o Estado. Faço-me entender???
Ou será que o Estado quer agora exercer TODOS OS PODERES????

16 março, 2008  
Blogger Francisco Castelo Branco disse...

O Estado nao está a exercer o poder paternal

Está a zelar pela saude publica

Se quer proibir piercings nas zonas que indicou, é porque "no relatório deles" há de saber que é perigoso para a saude publica

Assim sendo, fiscaliza-se essas casas que são onde se faz a maioria de tattoos e piercings nessas zonas do corpo, porque um piercing na orelha e nariz acho q nao é preciso ajuda.....

Fiscalizando, a procura de piercings e tattos vai ser menor....

Só que nao acredito que a fiscalizaçao vá ser eficaz.....

16 março, 2008  
Blogger LUA DE LOBOS disse...

eu bem me parecia... eu bem me parecia... até já te tinha dito que andava muito desconfiada que ELES andavam a cheirar cola ao pequeno almoço... mas que só não sabia era se era UHU ou Super Cola 3... PASSARAM_SE !!!!
e como uma amiga diz e muto bem - quem não tem que fazer... despe-se e veste-se... isto é...
quem não tem que fazer... proíbe!!!

16 março, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

OH Maria, estive aqui a pensar, será que a proibição do piercing, principalemnte na lingua é por causa da necessidade de nos habituarmos ao acordo ortográfico??

UHU?

eheheheh

16 março, 2008  
Blogger Aran disse...

Saúde Pública: "A arte e a ciência de prevenir a doença, prolongar a vida, promover a saúde e a eficiência física e mental mediante o esforço organizado da comunidade. Abrangendo o saneamento do meio, o controle das infecções, a educação dos indivíduos nos princípios de higiene pessoal, a organização de serviços médicos e de enfermagem para o diagnóstico precoce e pronto tratamento das doenças e o desenvolvimento de uma estrutura social que assegure a cada indivíduo na sociedade um padrão de vida adequado à manutenção da saúde"

A saúde pública centra sua ação a partir da ótica do Estado com os interesses que ele representa nas distintas formas de organização social e política das populações. Na concepção mais tradicional, é a aplicação de conhecimentos (médicos ou não), com o objectivo de organizar sistemas e serviços de saúde, actuar em factores condicionantes e determinantes do processo saúde-doença controlando a incidência de doenças nas populações através de ações de vigilância e intervenções governamentais. Não deve ser confundida com o conceito mais lato de saúde coletiva.

Por outras palavras ao Estado cabe a acção de promover a informação e os meios e inclusivé fiscalizar os mesmos para uma adequada Sáude Pública, e não criar leis que te proibam e condicionam a tua liberdade de escolha. Se querem criar uma lei que seja para as casas/instituições que promovem essas actividades, de modo que os seus clientes sejam protegidos eassegurados nesse sentido.
E pelo que o que sei e já ouvi existem ai muitas instituições legalizadas, que são um autentico atentado à Saúde Pública!
Se a fiscalização, não consegue corrigir isso, é pq não houve um plano eficaz por parte do Estado.
Pelo que sei o Estado desde sempre teve organismos para fiscalizar os organismos que lhe compete, e nem sempre recorreu ao seu uso de modo eficaz.
Por este andar qualquer dia ainda temos uma lei a ditar como devo ou não ter sexo com o meu parceiro em prol da prevenção e do zelar da saúde pública!!!

16 março, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

Boa Aran!
Sem papas na lingua!!
Exactamente como tu dizes, nem mais nem menos:

"Por outras palavras ao Estado cabe a acção de promover a informação e os meios e inclusivé fiscalizar os mesmos para uma adequada Sáude Pública,

e não criar leis que te proibam e condicionam a tua liberdade de escolha. "

Nem mais nem menos!!!!!

17 março, 2008  
Blogger Francisco Castelo Branco disse...

Tou a ver que estou sozinho lolol


Eu nao concordo com a proibição, mas tb nao a renego totalmente hehe

17 março, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

Francisco
Pensa assim:
O Governo desatava a entender que isso de fazer surf era supwr perigoso porque as pranchas são ponteagudas, e deslizam muito rapidamente e alguém pode levar com uma em cima, uma criança, um idoso etc...

E são. è verdade que são. Mesmo os pés dos surfistas presos á prancha são um pergigo. Já vi muito tornozelo dilacerado

Assim , o Governo entendia que, em vez de delimitar e vigiar as zonas de surf e body board etc, proibia os surfistas de surfar em todas as praias publicas desde que fossem menores de 25 anos.

Ou então pensa assim:
Não sei se sabes mas há uma lei que proibe a utilização de HI5 por menores de 18 anos.

è evidente que és amior
Mas deves ter amifos menores se tens HI5.
Supõe que o governo aplicava uma multa a todos os que utilizam o HI5 e são menores de 18 anos.
Não achas que cabe aos pais vigiar isso e não ao governo proibir?
Não cahas que isso cabe no âmbito da familia?

Talvez os exemplos não sejam muito bons, mas eu detesto proibições que interferem com a a liberdade pessoal que, por seu turno não interfere com a liberdade de mais ninguém a não ser com a do próprio visado.

Fiz-me entender???

17 março, 2008  
Blogger Francisco Castelo Branco disse...

Eu sei que sim

Boa explicação, antes de mais!

Só demonstrar o meu agrado pela tua inteligencia.
É raro numa rapariga da tua idade.
Por isso é que também gosto deste blogue....

Mas acho que o Governo neste caso teve uma atitude preventiva.
Por isso é que o titulo é "Prevenção".......

E acho que tu sabes também, que é uma medida preventiva......

17 março, 2008  
Blogger Francisco Castelo Branco disse...

Claro que são os pais que devem controlar os filhos, muito mais nesta matéria.

até porque acho que os pais nestes casos nem sequer são ouvidos na maior parte das vezes....

Não acredito que o Governo queira proibir "totalmente"...

Acho que é mais uma medida de prevenção. De forma a persuadir os jovens a usarem piercings em certas zonas do corpo

Agora.....

O Estado apesar de fazer leis, não as pode controlar a todas.
As leis, são uma forma de evitar que alguém a viole...
Não quer dizer que seja totalmente cumprida e fiscalizada...

Isso seria impossivel

O Governo não tem que se meter na vida das pessoas. Muito menos na vida corporal...

somos nós que decidimos o que fazermos ao nosso corpo......

17 março, 2008  
Blogger Francisco Castelo Branco disse...

mas era o que tava a tentar explicar...


O Governo baseado em relatórios, sabe-se lá de onde; chegou á conclusão que os piercings faziam mal á saude publica.....

Não sei pk nao tenho nenhum

E para persuadir as pessoas a fazerem com maior regularidde, fez esta lei...

olha

No www.psicolaranja.blogspot.com ta´mbém estão a discutir muito esta questão

Tem lá um post de sexta feira

17 março, 2008  
Blogger JM Coutinho Ribeiro disse...

Quando a rapariga for adulta, talvez pense de outra forma :-)

17 março, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

Esta rapariga, é rapariga pequena quando lhe dá muito muito jeito!!!
;))

17 março, 2008  
Blogger Aran disse...

Que se crie uma lei, para os organismos/instituições que pratiquem essa modalidade, em que proiba o acesso aos menores sem o acompanhamento dos pais, é uma coisa, e aqui sim estão a actuar de acordo com uma medida preventiva... agora proibir o uso pelos menores é outra coisa completamente diferente!!!!
Sabe-se bem q qualquer lei é por norma para ser cumprida... e a sua fiscalização serve somente para averiguar se não existem irregularidades, dai o Estado ter organismos fiscalizadores, pq de facto e na realidade existem violações da lei...
O Estado e/ou os organismos/instituições instituídos com o poder de fiscalizador tem obrigação assim de actuarem...
Ou será que a corrupção... é apenas um vocábulo "in modé"... Não me parece!!!!

17 março, 2008  
Blogger Aran disse...

E já agora por falarem de Saúde Pública... será que já se esqueceram do belo caso das "vacas loucas"!!!!
Será preciso dizer mais... Cristo!!!

17 março, 2008  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial

__________