CleopatraMoon

Um Mundo à parte onde me refugio e fico ......distante mas muito próxima.

A minha fotografia
Nome:
Localização: LISBOA, Portugal

Sou alguém que escreve por gostar de escrever. Quem escreve não pode censurar o que cria e não pode pensar que alguém o fará. Mesmo que o pense não pode deixar que esse limite o condicione. Senão: Nada feito. Como dizia Alves Redol “ A diferença entre um escritor e um aprendiz, ou um medíocre, é que naquele nunca a paixão se faz retórica.” Sou alguém que gosta de descobrir e gosta de se descobrir. Apontamento: Gosto que pensem que sou parva. Na verdade não o sou. Faço de conta, até ao dia em que permito que percebam o quanto sou inteligente.

online

quinta-feira, abril 24, 2008


Um Ser extremamente sensível
-
poderá alguma vez ser também cruel?

16 Comentários:

Blogger Cabral-Mendes disse...

espero que não...mas "ele" há aí com cada um...

25 abril, 2008  
Blogger Rodolfo N disse...

Yo creo que sí.
La sensibilidad extrema lo hace débil y para compensar esa debilidad se suele ser cruel...
Beijos

25 abril, 2008  
Blogger JM Coutinho Ribeiro disse...

Um ser supostamente sensível é quase sempre cruel :-)

25 abril, 2008  
Blogger AC disse...

O mesmo, ou outro?
O mesmo acho que não! (haveria engano nalguma das "qualidades".
Outro, é elementar, cara W.
beijinhos e viva o 25A

25 abril, 2008  
Blogger LUA DE LOBOS disse...

a sensibilidade por si mesma pode ser cruel sim, porque as pessoas sensiveis têm um grau de sofrimento maior e portanto, como auto defesa, podem tornar-se muito crueis.
xi
maria

25 abril, 2008  
Blogger Narrador disse...

Olá SAKURA-CHAN!!!

Penso que sim. Toda a gente tem um vertente de escuridão e trevas dentro de si. Quando algo despoleta esse tipo de sentimentos, não há sensibilidade que lhe resista. Somos todos capazes do pior. Faz-me lembrar aquela do Índio e do dos dois cães que vivem dentro dele...

SWEET KISS....SAKURA.

25 abril, 2008  
Blogger Apache disse...

Parece-me que sim. Subscrevo os últimos comentários.

25 abril, 2008  
Blogger Nitrox disse...

Nós ocidentais temos um pouco a tendência de opor o preto e o branco, a sensibilidade e a crueldade, o frio e o calor. Mas a verdade é que não se opõem antes completam-se, não se tentam destruir mutuamente, pelo contrário não existem um sem o outro.

25 abril, 2008  
Blogger OUTONO disse...

Olá

Faço minhas as palavras de Rodolfo.
É uma boa "visão"...

Parabéns, pela imagem...mas a ligação com a tua pergunta...sensível...mas astuta, não vejo.

Bjs

25 abril, 2008  
Blogger Cabral-Mendes disse...

Creio bem que a lua de lobos tem razão...

26 abril, 2008  
Blogger Francisco Castelo Branco disse...

Acho qeu sim. Se isso for bem disfarçado.

É que a crueldade advém do facto de sermos "fingidamente" sensiveis

26 abril, 2008  
Blogger Alquimia disse...

Penso que sim. Uma pessoa sensível se for enganada e/ou magoada poderá tornar-se num ser extremamente cruel.

:)

26 abril, 2008  
Blogger Elsa Gouveia disse...

Agrade�o as palavras depositadas nos "Aprendizes de Hist�ria"... na verdade, n�o gosto de transformar a Hist�ria numa coisa pesada, prefiro antes incutir o gosto por descobrir e pesquisar... e isso acho que j� se relete nos trabalhos dos meus alunos; trabalhos simples mas feitos com muita dedica�o e empenho.


Quanto a frase do post... acho que a sensibilidade nem sempre est� aliada � crueldade, mas quando est�... pode ser complicado!

Um bjo

27 abril, 2008  
Blogger Aran disse...

Um ser extremamente sensível, pode ser realmente cruel, se o fizer de um modo inconsciente, como uma cato espontâneo, como um meio de auto defesa, mas cada vez que tomar consciente da sua crueldade sofrerá duas vezes mais...
È óbvio que qualquer ser humano se compõe de duas facetas, uma boa e a outra má... e no qual uma delas predominará, ao longo do sua evolução, orientação e valores...
E é de pequeno que se torce o pepino... valores mal definidos, interpretados podem por vezes levar a escolher um caminho errado...
Cada caso é um caso, e geralmente duma complexidade, que só se conhecendo todos os factores se poderá fazer uma avaliação justa e correcta.

Espero que tenhas tido um excelente fim de semana!!!

Jinhos

27 abril, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

Parece que há unanimidade.
Mas concordo principalmente com a Lua de Lobos.


a sensibilidade por si mesma pode ser cruel sim, porque as pessoas sensiveis têm um grau de sofrimento maior e portanto, como auto defesa, podem tornar-se muito crueis.
xi
maria

28 abril, 2008  
Blogger Júlia Moura Lopes disse...

Cleopatra,

Ao colocar esta pergunta num post, depreende-se que tenha sido porque essa conclusao já estava dada no seu consciente. :-)

a minha opinião é diferente:

a pessoa sensivel só é cruel para ela própria.

28 abril, 2008  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial

__________