CleopatraMoon

Um Mundo à parte onde me refugio e fico ......distante mas muito próxima.

A minha fotografia
Nome:
Localização: LISBOA, Portugal

Sou alguém que escreve por gostar de escrever. Quem escreve não pode censurar o que cria e não pode pensar que alguém o fará. Mesmo que o pense não pode deixar que esse limite o condicione. Senão: Nada feito. Como dizia Alves Redol “ A diferença entre um escritor e um aprendiz, ou um medíocre, é que naquele nunca a paixão se faz retórica.” Sou alguém que gosta de descobrir e gosta de se descobrir. Apontamento: Gosto que pensem que sou parva. Na verdade não o sou. Faço de conta, até ao dia em que permito que percebam o quanto sou inteligente.

online

sábado, abril 05, 2008

DIABÉTICOS/ TOXICODEPENDENTES - por exemplo.


Em 14.11.2007 - dia mundial da diabetes dizia-se:

"Há boas notícias para os portugueses que sofrem da doença. O Governo decidiu finalmente comparticipar a 100 por cento mais duas armas terapêuticas, a insulina de acção lenta e a terapêutica com bombas infusoras. As medidas eram reclamadas há já alguns anos e vão beneficiar “alguns milhares de doentes” a partir de Janeiro, adiantou ao PÚBLICO o secretário de Estado da Saúde, Francisco Ramos."

A medida foi acertada já que por exemplo, aos toxicodependentes se fornecem seringas e tratamentos de graça. E, em caso de internamento, sei eu, que até têm direito a dois pequenos almoços no hospital ao contrário dos outros internados. Porque, coitadinhos são desgraçadinhos, toxicodepentes...pois.

A 31 Março 2008 rezava o mesmo governo assim:
"O preço das tiras para medir a glicemia, para diabéticos, vai diminuir em Abril, consequência de um protocolo de colaboração para o controlo da diabetes assinado entre o Ministério da Saúde, representantes da indústria farmacêutica, das farmácias, dos grossistas e das associações de doentes."

___________________
O ministério pretende que os subsistemas passem a articular-se directamente com as farmácias e não através do Serviço Nacional de Saúde.

Só que os subsistemas não pagam ou melhor, não comparticipam. E quem tem subsistema mesmo tendo SNS não goza de comparticipação.


A medida surgiu após uma recomendação do Tribunal de Contas, que apontava “a falta de controlo destas despesas”. Fonte da ANF disse que ainda não tinha conhecimento desta portaria e que, até lá, vai continuar “a não comparticipar estes doentes”.

E porque é que não havia controlo das despesas? Não é tudo com receita médica?

-_______________

Acho bem!!

É isto e os piercings e outros pormenores populistas.

Devem preocupar-se com o que não implica preocupação. Há que criar obstáculos a estas questões.

É assim mesmo! Há que ir ao pormenor.

E entretanto continuemos a facilitar a vida aos toxicodependentes e "derivados".

-

O presidente da Sociedade Portuguesa de Diabetologia, Luís Gardete Correia, diz que 30 a 40% de diabéticos não são diagnosticados, o que elevaria a incidência a um milhão de diabéticos no nosso país.

Quantos toxicodependentes temos? Muitas dezenas de milhar a que acrescem crimes violentos, familias destroçadas e traficantes enriquecidos à custa de tudo isto.

No entanto...comparticipemos com os nossos impostos, Afinal,..é uma questão de saúde pública. Pois...(Sorriso irónico e cansado).
-
Juro que não percebo nada!!


-
ACCB

4 Comentários:

Blogger Apache disse...

Eu também não. Ah, e também contribuo com o meu sorriso irónico.

06 abril, 2008  
Blogger Pecadormeconfesso disse...

No nosso País convém, ao politico ser populista e ao que gere, tenatr não perder a gestão. ;)

06 abril, 2008  
Blogger Cleopatra disse...

Treinar? tentar?

06 abril, 2008  
Blogger Aran disse...

Pois, a popularidade mede-se aos palmos!!!!

Ironias.... para não dizer hipoc------ rssss...

Só visto, contado ninguém acredita!!!!

07 abril, 2008  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial

__________