CleopatraMoon

Um Mundo à parte onde me refugio e fico ......distante mas muito próxima.

A minha fotografia
Nome:
Localização: LISBOA, Portugal

Sou alguém que escreve por gostar de escrever. Quem escreve não pode censurar o que cria e não pode pensar que alguém o fará. Mesmo que o pense não pode deixar que esse limite o condicione. Senão: Nada feito. Como dizia Alves Redol “ A diferença entre um escritor e um aprendiz, ou um medíocre, é que naquele nunca a paixão se faz retórica.” Sou alguém que gosta de descobrir e gosta de se descobrir. Apontamento: Gosto que pensem que sou parva. Na verdade não o sou. Faço de conta, até ao dia em que permito que percebam o quanto sou inteligente.

online

quarta-feira, novembro 07, 2007

F-16 / Lituânia
Com explicação do Manza:-"A FAP assumiu uma missão que se designa por "NATO Air Defense Quick Reaction Alert", que não é mais do que aeronaves em alerta, capazes de descolar em 15 minutos (!!!)
e efectuar defesa aérea no espaço aéreo sobre os 3 países Balticos (Lituânia, Letónia e Estónia). Desde que aderiram à NATO em 2004, por falta de aeronaves com capacidade de defesa Aérea, estabeleceu-se um sistema de rotação (3 a 4 meses) entre os seus membros (NATO), que passariam a enviar até 4 aeronaves para patrulhar o espaço aéreo sobre estes 3 países.
Os Belgas iniciaram em 30 de Março de 2004 esta tarefa e Portugal desde 1 de Novembro e até ao próximo dis 15 de Dezembro estará na principal Base Aérea Lituana em Zokniai/Šiauliai International Airport, naquele que é o 14º Destacamento (Detachement Baltic Air Policing) "....







AGORA É A SÉRIO (outra vez)!

"Missão na Lituânia será um teste ao treino, equipamento, capacidade de projecção de força e operação em climas frios.A Força Aérea Portuguesa irá assumir o “Policiamento Aéreo” dos três Países Bálticos entre Novembro e Dezembro de 2007. Esta exigente missão, longe de ser um exercício, irá colocar à prova o Poder Aéreo Luso, testando as suas capacidades de mobilidade, sobrevivência, penetração, flexibilidade e prontidãoA Missão “BALTICS AIR POLICING 07”, que a Força Aérea Portuguesa irá cumprir no norte da Europa, é uma operação de Defesa Aérea da NATO, dedicada a zelar pela guarda, vigilância e soberania do espaço aéreo dos três países Bálticos – Lituânia, Letónia e Estónia. Esta missão será cumprida através da execução de missões de “policiamento aéreo”, de forma a obter e manter a integridade do espaço aéreo Aliado."

-

Etiquetas:

3 Comentários:

Blogger M@nza disse...

Bem... esta tocou-me.
A minha Força Aérea assumiu uma missão que se designa por "NATO Air Defense Quick Reaction Alert", que não é mais do que aeronaves em alerta, capazes de descolar em 15 minutos e efectuar defesa aérea no espaço aéreo sobre os 3 países Balticos (Lituânia, Letónia e Estónia).
Desde que aderiram à NATO em 2004, por falta de aeronaves com capacidade de defesa Aérea, estabeleceu-se um sistema de rotação (3 a 4 meses) entre os seus membros (NATO), que passariam a enviar até 4 aeronaves para patrulhar o espaço aéreo sobre estes 3 países.
Os Belgas iniciaram em 30 de Março de 2004 esta tarefa e Portugal desde 1 de Novembro e até ao próximo dis 15 de Dezembro estará na principal Base Aérea Lituana em Zokniai/Šiauliai International Airport, naquele que é o 14º Destacamento (Detachement Baltic Air Policing)
Brevemente efectuarei uma breve "visita" a este TO (Teatro de Operações)para efectuar contactos com o pessoal que lá se encontra em missão.
Bjos

08 novembro, 2007  
Blogger Cleopatra disse...

Parabéns Manza. Estar lá deve dar um frio no estômago !!!!
Boa missão - BJ

08 novembro, 2007  
Blogger Pecadormeconfesso disse...

O F16. Grande máquina. Grande vontade de pilotar uma. Logo escolhi o lado errado. Olhar de baixo para cima. No Flight ando por lá por vezes. Sonhos de gaiato homem feito.

09 novembro, 2007  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial

__________